Search - Remove Shortcode
Matérias

A dieta do tipo sanguíneo funciona?

Escrito por
De acordo com a teoria do médico naturopata Peter D´Adamo, a reação do organismo a certos tipos de alimento, o metabolismo e a perda de peso estão relacionadas ao grupo sanguíneo.

(*) Roberta Godoy

Vida longa, saúde, vigor e peso ideal são metas de todas as pessoas. Uma vida saudável também é influenciada pelo tipo sangüíneo de cada um. É ele que determina a sensibilidade para doenças, o nível de energia, a queima de calorias e a reação emocional ao estresse. O conhecimento do grupo de sangue também favorece melhor compreensão do estado de saúde geral.

Mas o que talvez nem todos saibam é que também se pode determinar a compatibilidade ou não da pessoa com certos alimentos, que reagem de maneiras diferentes no organismo, pelo líquido que corre em nossas veias: é a dieta do tipo sanguíneo.

 

Idealizada pelo naturopata (naturopatia é um segmento alternativo que acredita que o corpo deve se manter equilibrado para desenvolver dispositivos de cura) Peter D´Adamo, a dieta do tipo sangüíneo mostra o que é bom ou não consumir de acordo com os quatro grupos principais (A, B, AB e O). Os alimentos, segundo a dieta de D´Adamo, são divididos em três categorias: benéfico (alimento que atua como remédio, capazes de prevenir e tratar doenças), neutro (atua como alimento mesmo) e nocivo (atua como veneno ao organismo, podendo causar ou agravar doenças). Como a lista dos alimentos é muito extensa, separamos os principais que devem ser consumidos ou evitados. A relação traz apenas alguns itens e serve como uma referência. Não inicie uma dieta sem antes consultar seu médico.

Qual o seu tipo sanguíneo?

Grupo sangüíneo O

Quase 50% da população tem este tipo de sangue, é o grupo mais antigo e é o resultado do cruzamento de várias culturas. Geralmente precisam comer proteína animal todos os dias. O aparelho digestivo é forte, pois produz sucos gástricos em abundância, importante para a digestão da carne. Mas justamente por produzirem maior quantidade desses sucos gástricos, ocorre a maior incidência de doenças estomacais, como gastrites e úlceras. Não são bem-vindos: aveia, trigo, grãos e derivados do leite. O sistema imunológico é bem ativo e consegue reagir ao estresse com grande atividade física.

Prefira 
Carnes: bovina, cordeiro, avestruz
Peixes e frutos do mar: bacalhau fresco, linguado, salmão
Derivados do leite: mussarela, leite de soja, tofu
Frutas: ameixa frescas e secas, pretas ou vermelhas, figo
Verduras: acelga, alcachofra, brócolis, cebola, escarola, espinafre
Cereais, massas e pães: prestar atenção nos alimentos a serem evitados. O restante pode ser ingerido

Evite
Carnes: porco, presunto, toucinho
Peixes e frutos do mar: caviar, salmão defumado, polvo
Derivados do leite: creme de leite, iogurte, leite (integral ou magro), a maioria dos queijos, sorvete
Frutas: laranja, morango, coco, amora
Verduras:berinjela, champignon, milho, repolho
Cereais, massas e pães: aveia, trigo, cuscuz, pão branco, semolina

Alimentos que estimulam a perda de peso: algas, brócolis, peixes e frutos do mar, couve-manteiga, sal iodado, carne vermelha (carneiro, boi, caça, fígado), espinafre.
Alimentos que estimulam o aumento de peso: couve-flor, feijão, lentilha, milho, couve-de-bruxelas, repolho, trigo e derivados (glúten).

Grupo sangüíneo A

Por volta de 38% da população tem esse tipo sangüíneo. Com o início das práticas agrícolas, esse grupo foi um dos primeiros a evoluir (por causa do consumo de vegetais). As pessoas pertencentes a esse segmento saem-se melhor como vegetarianos. O aparelho digestivo é sensível, com dificuldades para decompor as proteínas e gorduras de origem animal, pois produzem menos suco gástrico. Essas pessoas são mais sensíveis a doenças do coração, ao câncer e ao diabetes. Alimentos como proteínas de soja, grãos, legumes, comidas frescas, orgânicas, peixes e frutas são muito importantes. O sistema imunológico é tolerante e reage melhor ao estresse com atividades relaxantes.

Prefira
Carnes: avestruz, frango, peru
Peixes e frutos do mar: bacalhau fresco, salmão fresco, sardinha, truta
Derivados do leite: leite e queijo de soja, tofu
Frutas: abacaxi, ameixa, cereja, figo, limão, amora, damasco
Verduras: acelga, alcachofra, brócolis, cebola, cenoura, espinafre
Cereais, massas e pães:farinhas de centeio, arroz, soja e aveia, pão de farinha de soja

Evite
Carnes: bovina, carneiro, cordeiro, pato, porco, vitela
Peixes e frutos do mar: camarão, caviar, caranguejo, marisco, mexilhão, ostra, polvo
Derivados do leite: creme de leite, sorvete, leite magro e integral, manteiga, requeijão
Frutas: banana, laranja, manga, papaia, coco
Verduras: berinjela, repolho, tomate
Cereais, massas e pães: Creme e germe de trigo, farinha de trigo integral, pão preto, pão integral, farinha branca

Alimentos que estimulam a perda de peso: abacaxi, verduras, óleos vegetais, feijão de soja e pratos com soja.
Alimentos que estimulam o aumento de peso: carne, feijão mulatinho, produtos do leite, trigo (em grandes quantidades). Grupo sangüíneo B

Uma base de 10% da população tem esse tipo de sangue. Ele surgiu quando os seres humanos migraram para o Norte, encontrando terras mais frias e sombrias. A dieta pode ser mais variada, incluindo carne, e é o único tipo de sangue que se dá muito bem com os laticínios. O sistema imunológico das pessoas que tem o tipo B é forte, reage melhor ao estresse com criatividade. As recomendações gerais de alimentação são: carnes como cordeiro, carneiro, coelho, peru; peixes como bacalhau, salmão, linguado; laticínios como leite magro, iogurte e queijos; cereais como arroz, aveia, batata e inhame; azeite de oliva e muita verduras e legumes.

Prefira
Carnes: carneiro, cordeiro, coelho, veado
Peixes e frutos do mar: bacalhau, salmão, truta, caviar, sardinha
Derivados do leite: iogurte, leite, mussarela, ovos, ricota
Frutas: abacaxi, ameixa, banana, mamão, uva
Verduras: beterraba, brócolis, cenoura, couve, repolho
Cereais, massas e pães: arroz integral, aveia, pão de aveia

Evite
Carnes:frango, pato, porco, presunto
Peixes e frutos do mar: anchova, camarão, caranguejo, lagosta, marisco, ostra, polvo, mexilhão
Derivados do leite: queijo fundido e roquefort, sorvete com leite
Frutas: carambola, caqui, coco, romã
Verduras: alcachofra, tomate, milho verde, azeitona
Cereais, massas e pães: arroz selvagem, farinha de trigo, milho, centeio

Alimentos que estimulam a perda de peso: ovos, leite e derivados com baixo teor de gordura, carne, verduras, chá de alcaçuz.
Alimentos que estimulam o aumento de peso: milho, trigo, lentilhas, amendoins e gergelim.

Grupo sangüíneo AB

Cerca de 4% da população tem esse tipo de sangue. É uma adaptação moderna que surgiu da mistura do A e do B. Seu aparelho digestivo é sensível. Necessita de alimentos misturados em porções equilibradas. Já o sistema imunológico é excessivamente tolerante, tem reações às mudanças dietéticas e de ambientais. No geral, os alimentos recomendados são carne, peixe, produtos do leite, legumes, cereais, frutas e verduras.

Prefira 
Carnes: carneiro, coelho, cordeiro e peru
Peixes e frutos do mar: atum, bacalhau, cavala, sardinha e truta
Derivados do leite: coalhada, iogurte, mussarela, ricota, queijo cottage
Frutas: abacaxi, ameixa, cereja, figo, kiwi, uva
Verduras: aipo, alho, beterraba, berinjela, brócolis, couve, pepino
Cereais, massas e pães: arroz, farinha de centeio, de trigo, aveia

Evite
Carnes: bovina, búfalo, frango, porco, presunto e vitela
Peixes e frutos do maranchova, camarão, caranguejo, lagosta, linguado, ostra, mexilhão, siri
Derivados do leite: leite integral, creme de leite, queijo parmesão, brie, provolone, roquefort, sorvete cremoso
Frutas: banana, caqui, goiaba, laranja, manga
Verduras: alcachofra, milho verde, nabo, pimentão, rabanete
Cereais, massas e pães: farinha de cevada, de milho, cereais matinais, amido de milho

Alimentos que estimulam a perda de peso: abacaxi, peixe, couve-manteiga, produtos do leite, tofu.
Alimentos que estimulam o aumento de peso: trigo, feijão-mulatinho, milho, nozes e sementes, carne vermelha.




O Portal em Forma tem caráter informativo baseado em artigos e textos de fontes reconhecidas. Orienta, mas não substitui o aconselhamento de um especialista, seu diagnóstico ou tratamento. Nunca ignore o conselho médico na busca de tratamento ou melhorias na qualidade de vida e saúde. Um médico, Educador Físico, Personal Trainer ou Nutricionista podem lhe orientar. E se você acha que pode ou está tendo uma emergência médica, procure imediatamente um especialista.


ESTE É UM MATERIAL EXCLUSIVO DO PORTAL EM FORMA. O Portal em Forma não autoriza a cópia parcial ou total de qualquer texto da sua Revista Digital, de acordo com a lei 9610/98. O Portal em Forma também proíbe qualquer tipo de divulgação de seus textos em diretórios e agregadores de links sem a sua autorização. Qualquer cópia será banida.


Redação PEF

Uma Revista Digital com conteúdo atualizado constantemente para informar, orientar e incentivar a prática de hábitos saudáveis.

Pesquisar Anúncios

O termo Whey Protein vem da tradução do inglês, proteína do soro do leite, que se refere às proteínas do soro extraídas da porção aquosa do leite, ...

O verão está chegando e quem não quer ir à praia com tudo em cima e exibir um abdômen lisinho e definido? Mas para começar, quem quer uma ...

A industrialização trouxe inúmeros benefícios para o nosso dia-a-dia, mas tem um grande  ponto negativo: o excesso de produtos químicos. Deixam os ...

 

Don't have an account yet? Register Now!

Sign in to your account