Search - Remove Shortcode
Matérias

Quer disposição e saúde? Exercite-se

Escrito por

Envelhecer de forma saudável é a meta de todas as pessoas. Quem já está na melhor idade também deseja se manter bem ou melhorar sua condição física – claro que sempre respeitando os limites que a idade impõe a qualquer ser humano.

 

O fisiologista Vagner Raso, pesquisador que busca a divulgação de atividades físicas que permitam aos idosos a melhora de suas condições físicas e psicológicas, realizou um estudo com idosos de ambos os sexos para observar a interferência da atividade física com pesos na saúde deles. O resultado de alguns anos de trabalho transformou-se no livro “Envelhecimento Saudável: Manual de Exercícios com Pesos”, recém-lançado.

“É importante salientar que a busca do envelhecimento saudável depende muito menos de recursos financeiros altos e de complexos medicamentos manipulados do que as pessoas imaginam”, confirma Raso. Para ele, tanto um idoso com a situação sócio-econômica privilegiada quanto àquele que não dispõe de muitos recursosfinanceiros possuem as mesmas chances de envelhecer com saúde.

“Além da ingestão controlada de álcool, não fumar, visitas periódicas ao médico,uma boa noite de sono e um bom relacionamento inter pessoal associados,principalmente, com a ingestão regular de alimentos saudáveis – frutas, verduras,legumes, fibras, restrição de gordura e de alimentos à base de farinha refinada, açúcar- a adoção de um estilo de vida fisicamente ativo contribuem significativamente paraíso”, explica.

Atividade física com peso: benefícios para a terceira idade

Vagner Raso desenvolveu uma série de exercícios com pesos para ser realizada por idosos. “Na verdade, qualquer pessoa pode aderir aos exercícios com pesos. Devido ao fato de o monitoramento e controle serem mais fáceis no programa de exercícioscom pesos, ao contrário do que as pessoas imaginam. Em alguns casos os riscos associados chegam a ser menores que nos exercícios aeróbicos”, diz o fisiologista.

A prática dos exercícios com pesos está associada a múltiplos benefícios que variam desde a melhora na capacidade funcional para realizar as atividades mais simples da vida diária além de benefícios emocionais. No último caso, tem se observado com freqüência melhora do estado de humor, maior predisposição mental, ausência de sintomas depressivos, maior satisfação com a vida e melhor gerenciamento de situações de conflito inter pessoal em indivíduos idosos fisicamente ativos.

Outro aspecto muito importante é a redução no uso de medicamentos e na gravidade da doença. Isso significa que, diferente de muitos medicamentos, o exercício prescrito adequadamente produz benefícios sem causar efeitos colaterais, enfatiza Raso.

Como praticar os exercícios com pesos

O ideal é que a pessoa pratique exercícios com pesos pelo menos duas vezes por semana. E que, inicialmente, realize de 8 a 10 exercícios em uma quantidade de vezes que varia de 8 a 15 repetições, sem que para isso, tenha que ficar extremamente exausta. Ou seja, peso deve ser moderado para não causar também além de dores, lesões.

É importante realizar a maioria dos exercícios em uma mesma posição (por exemplo, sentada) para em seguida alternar para outra (em pé ou deitada). Isso evita a queda da pressão arterial em conseqüência da mudança da postura,principalmente naqueles sujeitos que utilizam medicamentos.

Também é relevante conhecer o medicamento que a pessoa utiliza, pois alguns influenciarão na capacidade para realizar o exercício, alterando o fluxo sanguíneo, a força de contração do coração, além do controle postural. Por isso, antes da pessoa começar a praticar atividade física, é indispensável à visita a um médico para avaliar suas condições.

É extremamente necessário que o programa de exercícios, assim como o acompanhamento, seja executado por profissionais especializados. Caso contrário, a prescrição e acompanhamento errados ou a falta de orientação podem causar desde leves problemas ortopédicos a grandes distúrbios cardiovasculares.

As contra-indicações aos exercícios com pesos não são muito diferentes daquelas aos exercícios aeróbicos. Portanto, a maioria das pessoas tanto saudáveis como aquelas que têm alguma restrição podem aderir a prática de exercícios com pesos. A estabilidade da doença é um parâmetro muito importante para as atividades no indivíduo que tem diabetes ou hipertensão, como exemplo.

E a pessoa que for “puxar ferro”, vai levantar exatamente a quantidade de peso que for capaz de fazê-lo, nada a mais do que isso. “Ainda adiciona-se o fato de que a exigência metabólica nos exercícios com pesos é menor que nos exercícios aeróbicos para a mesma intensidade, indicando, portanto, que aquela idéia de uma pessoa transpirando exacerbadamente não necessariamente representa a realidade”. E sempre sob orientação e aprovação do médico e acompanhados por um profissional de Educação Física.

 



O Portal em Forma tem caráter informativo baseado em artigos e textos de fontes reconhecidas. Orienta, mas não substitui o aconselhamento de um especialista, seu diagnóstico ou tratamento. Nunca ignore o conselho médico na busca de tratamento ou melhorias na qualidade de vida e saúde. Um médico, Educador Físico, Personal Trainer ou Nutricionista podem lhe orientar. E se você acha que pode ou está tendo uma emergência médica, procure imediatamente um especialista.


ESTE É UM MATERIAL EXCLUSIVO DO PORTAL EM FORMA. O Portal em Forma não autoriza a cópia parcial ou total de qualquer texto da sua Revista Digital, de acordo com a lei 9610/98. O Portal em Forma também proíbe qualquer tipo de divulgação de seus textos em diretórios e agregadores de links sem a sua autorização. Qualquer cópia será banida.


Redação PEF

Uma Revista Digital com conteúdo atualizado constantemente para informar, orientar e incentivar a prática de hábitos saudáveis.

Pesquisar Anúncios

Leia esse artigo e descubra qual suplemento apresenta maiores vantagens para ganho de massa magra e hipertrofia.

O cardápio de um dia, com sugestões da Nutricionista Andréia dos Santos Carrara, é riquíssimo em fibras, que aumentam a sensação de saciedade, ...

Cerca de 20% dos brasileiros sofrem com a esteatose hepática. Aprenda sete estratégias à mesa que ajudam o órgão a perder a gordura e de quebra ...

 

Don't have an account yet? Register Now!

Sign in to your account